Comprar Ingressos

INFANTIL

INZOO­NIA

09.07 a 06.08.17: domingos 11h

As desculpas que as crianças inventam na hora de dormir são o mote do espetáculo. Qualquer pretexto costuma ser válido para brincar mais um pouco: fome, sede, medo e até a insônia! Os dois clowns reuniram todas essas justificativas – e várias outras – em uma única noite de insônia.

 

A falta de sono é também o motivo para a animação de objetos que contam pequenas e poéticas histórias. Assim, uma meia enroladinha vira uma ovelha… Um secador vira um lobo mau que corre atrás de porquinhos, que na verdade são tigelas! Uma beliche vira um barco pirata!  O jogo que sustenta toda a encenação do espetáculo, não é a transformação deste ou daquele objeto em particular, mas a possibilidade de criação, recriação e transformação de todas as coisas. Poeticamente, uma maneira de colocar o mundo em movimento.


Inzoonia fala da disposição própria do mundo infantil, onde as coisas são o que são, mas, também, o que poderiam ser. É esta disponibilidade para o desdobramento da imagem banal em infinitas funções e sentidos que o espetáculo estimula na imaginação do espectador, ao construir suas narrativas utilizando as técnicas de animação de objetos.

Por trás de sua aparente simplicidade, o espetáculo esconde uma engrenagem rica em estímulos à razão criativa, sejamos crianças ou não.


Inzoonia: um sonho bom…

 

SOBRE A CIA CIRCO DE BONECOS

 

Desde a sua formação, em 2000, a companhia pesquisa o teatro de bonecos, mas, também, mistura bonecos com atores, com mágica e com objetos. O que sustenta as suas encenações é a possibilidade de criação e recriação de todas as coisas.   A aparente simplicidade dos espetáculos da Cia Circo de Bonecos esconde uma engrenagem rica e criativa: a capacidade de, sem grandes aparatos, sintonizar a sensibilidade infantil do espectador, seja criança ou não.

Cronologia dos Espetáculos

2000 – Circus A Nova Tounée.  A Cia Circo de Bonecos é fundada por Claudio Saltini  e Teka Queiroz com a remontagem deste espetáculo criado pela Cia A Cidade Muda.  Prêmio APCA de Melhor Espetáculo de Animação.

2003 – Lolo Barnabé.  Em parceria com Anie Welter e Sidnei Caria A Cia Circo de Bonecos cria o espetáculo Lolo Barnabé,  livre adaptação do livro de Eva Furnari.

2004 – O Voo – A Viagem de Teco-Teco.  Livre adaptação sobre o texto radiofônico de Bertold Brecht “O Voo sobre o Oceano”.  Prêmio APCA de Melhor Produção.

2005 – Inzoonia. Em parceria com Henrique Sitchin e Veronica Gershman.  Prêmio APCA de Melhor Espetáculo de Animação.

2006 – Guarda Zool.  A aventura de dois amigos passando um dia na praia. Parceria com Henrique Sitchin.  Prêmio APCA de Melhor Direção

2008 – Circo de Bonecos. Uma sala de visita é transformada por dois amigos num delicioso circo!

2010 – Circo de Pulgas.  Uma  história emocionante de uma pulguinha encontrada na platéia e adestrada para brincar num pequeno picadeiro circense. Prêmio APCA de Melhor Espetáculo Infantil e Prêmio FEMSA de Melhor Espetáculo Infantil, Melhor Ator e Melhor Trilha Sonora.

2012 –  Lolo Barnabé.  Recriação do espetáculo a partir da livre adaptação  do texto de Eva Furnari.

2013 – Circo de Coisas. Teatro de Objetos: um circo dentro da imaginação do espectador.

 

 

FICHA TÉCNICA

DIREÇÃO:Claudio Saltini

TEXTO:Claudio Saltini

ELENCO:Claudio Saltini, Sandro Gattone e Nilton Marques  

FIGURINOS/CENÁRIO E BONECOS: Claudio Saltini

TRILHA SONORA: Claudio Saltini

TEMPO DE MONTAGEM:50 min.

TEMA: Relacionamentos e Brincadeiras infantis

CONTEÚDO: Teatro de objetos e bonecos;  jogos infantis.

GÊNERO: Comédia

TEATRO

Pedro e Diogo Granato: Ainda somos os mesmos 15, 16, 17 e 18.11.18: quinta a domingo, 20h

Pedro e Diogo Granato: Ainda somos os mesmos

MÚSICA

Larissa Conforto: Àiyé 05, 12,19 e 26.11.18: segundas às 20h

Larissa Conforto: Àiyé

MÚSICA

Gui Amabis: amáveis amigos 06, 13, 20 e 27.11.18: terça às 20h

Gui Amabis: amáveis amigos

AULAS

Práticas do Tai Chi e Chi Kung terças, às 8h30

Práticas do Tai Chi e Chi Kung