Ingressos Como apoiar

MÚSICA

SANDRA COUTINHO: LINHA DO TEMPO CONTÍNUO

SANDRA COUTINHO: LINHA DO TEMPO CONTÍNUO

07, 14, 21 e 28.08.23, segundas às 20h

Linha do tempo contínuo

Diversidade sonora de 41 anos de trajetória de Sandra Coutinho


Sandra traz pela primeira vez à luz algumas de suas composições criadas durante o período de 14 anos em que morou na Alemanha, onde se apresentava ao melhor estilo one-woman-show. Rock avant-garde, projetos multimídia, instalações sonoras e trilhas para dança e teatro fazem parte da sua bagagem como artista experimental, que agora convida novos e antigos parceiros a seguirem com ela nessa linha do tempo contínuo, em releituras de hits de alguns dos grupos que integrou nos anos 80 e em canções autorais inéditas que recebem arranjos e reprogramações especialmente para essa temporada no Centro da Terra, numa (a)mostra de 4 décadas em 4 noites.


07 de Agosto

Abrindo os trabalhos desta temporada, Sandra traz, no primeiro set, composições da época berlinense (1997-2004), com novas programações e acompanhada por Silvia Tape e Edgard Scandurra. Na sequência, unindo-se a ela e Scandurra, Rodrigo Saldanha e Tadeu Dias perpassam por temas de Smack e Maluf 111, sendo que Maluf 111 são composições suas e Edgard Scandurra, cujo único registro estão em fitas cassetes.

set 01

Sandra Coutinho – voz, baixo, programação

Silvia Tape – voz, teclados

Edgard Scandurra – guitarra

set 02

Sandra Coutinho – voz, baixo

Edgard Scandurra – guitarra

Rodrigo Saldanha – bateria

Tadeu Dias – guitarra


Luz por Flávio M. Silva


14 de Agosto

No primeiro set se trata de um convite se convidando para integrar no Espelho em uma situação nova e diferente das vezes que compôs trilha para dança-teatro na Alemanha.

No segundo set os convidados são Rafael e Pacola, como co-compositores de temas, todos até então em programação eletrônica.

set 01

Sandra Coutinho – voz, baixo

Espelho [Mariana Taques – dança e Bernardo Pacheco – guitarra, processamentos]

set 02

Sandra Coutinho – voz, baixo

Guilherme Pacola – voz, bateria

Rafael Crespo – guitarra


21 de Agosto

No primeiro set, um encontro já antes vivenciado de forma diferente, onde o tempo deu lugar se fundindo no segundo set, com o repertório de AKT.

set 01

Sandra Coutinho – voz, baixo

Paula Rebellato – eletrônicos, teclado, percussão

Mari Crestani – saxofone

set 02

AKT:

Sandra Coutinho – voz, baixo

Bibiana Graeff – teclados, voz

Silvia Tape – guitarra, voz

Rodrigo Saldanha – bateria


28 de Agosto

Mercenárias apresenta no encerramento desta temporada no Centro da Terra seu lado B, trazendo composições menos conhecidas do público.

Mercenárias B:

Sandra – voz, baixo

Silvia Tape – guitarra, voz

Pitchu Ferraz – bateria

Edgard Scandurra – guitarra

Bibiana Graeff – voz

Amanda Rocha – voz

Mayla Goerisch – voz




Curadoria e produção: Sandra Coutinho e Brava

Técnico de som: Bernardo Pacheco

MÚSICA

BNEGRON CONVIDA: FREELION 22.07.24, segunda às 20h

BNEGRON CONVIDA: FREELION

MÚSICA

ONIRA: SONHAR A TEMPESTADE 23.07.24, terça às 20h

ONIRA: SONHAR A TEMPESTADE

CINEMA

A FLOR DO BURITI 24.07.24, quarta às 18h e 20h15

A FLOR DO BURITI

DANÇA

LETÍCIA SCALISE: VOCÊ AINDA QUER LUTAR COMIGO? 25 e 26.07.24, quinta e sexta às 20h

LETÍCIA SCALISE: VOCÊ AINDA QUER LUTAR COMIGO?

MÚSICA

BNEGRON CONVIDA: DABLIUEME 29.07.24, segunda às 20h

BNEGRON CONVIDA: DABLIUEME

MÚSICA

MÚSICA DE MONTAGEM: O GRITO DO ESCURO 30.07.24, terça às 20h

MÚSICA DE MONTAGEM: O GRITO DO ESCURO

CINEMA

AS LINHAS DA MINHA MÃO 31.07.24, quarta às 18h e 20h

AS LINHAS DA MINHA MÃO

CINEMA

O ESTRANHO 07.08.24, quarta às 18h e 20h

O ESTRANHO

DANÇA

CLARISSA BRAGA: MÃEPARIDA 08, 09, 15 e 16.08.24, quintas e sextas às 20h

CLARISSA BRAGA: MÃEPARIDA